Arquivo


2 anos!

segunda-feira, 14 de abril de 2014



Hoje faz 2 anos que estamos caminhando juntos, lado a lado. E eu agradeço por todo carinho, compreensão, companheirismo. Um relacionamento nesse mundo complexo de hoje, onde tudo é posse onde as pessoas se tornam coisas, tem sido bastante enriquecedor aprender e estar com você. Espero que possamos caminhar ainda mais, dar saltos maiores e chegar até ao fim juntos :)


E que haja muita comida chinesa até lá!
Te, amo.
E sim, esse post é todo para você! 

Sobre continuar e insistir

sábado, 12 de abril de 2014

Estou cansada. Estou tão cansada que pensar em sentar no sofá e assistir um filme me cansa. Apenas queria apertar o avançar e pular essa etapa, mas não, não posso. Preciso continuar e parar de pensar em desistir.


Eu nunca fui de desistir das coisas - quem me conhece sabe - porém ultimamente tenho tido uma vontade monstra de abandonar tudo e ir morar em uma cabana na praia. É um total esgotamento do meu modo de vida - no meio do CAOS de Sampa hell city, somado a uma total desesperança no brasil, no povo brasileiro e em qualquer perspectiva desse cenário horrendo que vemos ai fora. É cansativo, o conformismo, os impostos que estão comendo nossa alma, e o quanto temos de trabalhar para viver com o mínimo de dignidade. E em meio a tudo isso, eu me pergunto: para que diabos quero me formar como pedagoga? Uma profissão desvalorizadíssima, as custas de uma formação tão pesada como a minha?

Veja bem, sou feliz com o design. Tenho muitos clientes, trabalho não me falta e os planos são de expandir. Porém eu gosto da educação. Eu queria ser professora um dia, e queria viver em um mundo onde isso não fosse sinônimo de falta de opção. Queria muito que as pessoas valorizassem os 6 anos que passei em uma universidade lendo e discutindo os mais diversos pontos de vista do ser humano, da sociedade, da educação... Porém isso não existe aqui. As pessoas não valorizam, o estado não valoriza, absolutamente ninguém valoriza. E nem eu mesmo tenho conseguido valorizar ultimamente. 

Estou na reta final, final, final. Finalmente comecei o TCC pra valer, faltam menos de 5 disciplinas para eu concluir o curso e a temida residência, mas tudo que consigo pensar é: desistir, desistir, desistir. Não vejo nenhuma perspectiva em insistir nisso, mas de alguma forma, me agarro a ideia de que se eu desistir agora, nunca vou me perdoar, que lá na frente talvez isso faça uma enorme diferença. Não sei ao certo se é loucura, porém eu acho que essa cultura de desistir do que "não nos faz bem" também não é a saída. Porque a vida é dura mesmo e as vezes, temos que insistir e brigar para chegar até o fim.

Nem que o fim seja apenas para provar para nós mesmos que conseguimos superar aquela etapa.

tenho me apegado a isso e força na peruca! hehehe

Como um diário pessoal, me sinto confortável as vezes para escrever sobre coisas não tão bonitas, não tão criativas. A vida não é sempre perfeita (alias, quase nunca é) e no mundo da internet parece que a gente esquece um pouco disso. Por isso meu desabafo, porque no momento me encontro lutando contra uma enorme vontade de desistir de algumas coisas que eu sei que não posso desistir. E queria jogar para fora e dizer que se você também se sente assim, não está sozinho. Tem outra pessoa aqui, que sente o mesmo que você!



pequenas coisas mágicas que podemos fazer a cada estação

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Eu já escrevi uma reflexão super solta sobre alguns pensamentos que tenho tido acerca das estações do ano e nossa ligação com o tempo, e realmente acho que vale a gente dedicar um tempo para pensar sobre isso. Porém o post de hoje vai ser mais objetivo, pois eu trouxe uma listinha com algumas coisas legais para se fazer nas mudanças de estações, pequenos detalhes que fazem a diferença e podem melhorar nosso dia e nos fazer sentir melhor diante da vida. Por aqui sempre evito fazer listas, mas sei que em alguns momentos de desanimo a gente pode se inspirar muito com esse tipo de incentivo, então acho que vale a pena :)



Pin It button on image hover